Mostrando postagens com marcador Outros. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Outros. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 22 de maio de 2018

Atualização do Chrome impede reprodução automática de vídeos




Na linha em que o Google trabalha uma de suas prioridades é levar ao seu usuário a melhor experiência possível. Por isso ele vem penalizando sites que não tem versões para celular , que não tem certificado SSL  e muitas outras métricas. 


Na sua versão do Chrome de nº 66 o Google lançou mais uma novidade: 
bloqueio de vídeos que reproduzem automaticamente com som. A versão também chega com melhorias de segurança, por meio do isolamento de sites, para evitar a falha Spectre.

Uma versão anterior do Chrome, a 64, veio com um recurso inicial para bloquear todos os sons em sites específicos. Agora, o próprio navegador descobre quando uma página tem vídeos irritantes em autoplay e impede que eles sejam reproduzidos.

O bloqueio só acontece em determinadas condições. Se o vídeo tem autoplay, mas é mudo, ele continuará sendo executado automaticamente; se emite som, a reprodução nem será iniciada. Além disso, o Chrome poderá mostrar vídeos com autoplay se você tiver demonstrado interesse anteriormente em mídias do site; ou se você clicar e interagir com a página. Saiba mais: Google Chrome está lento? Veja como deixá-lo mais rápido 

Essa demonstração de interesse é calculada pelo índice de engajamento de mídia (MEI), que leva em consideração quatro fatores: se você consumiu áudio ou vídeo por mais de 7 segundos; se a aba com o vídeo está em primeiro plano; se o vídeo tem mais de 200×140 pixels; e se o vídeo tem som. Você pode consultar o MEI de cada site que você acessou em chrome://media-engagement/.

O Chrome 66 também chega com um pequeno teste do Site Isolation. Basicamente, o recurso torna mais difícil que sites não confiáveis acessem ou roubem informações de suas contas em outras páginas — trata-se de uma segunda linha de defesa, porque isso já era não possível em condições normais. Na prática, a função deve mitigar os efeitos do Spectre, que afeta processadores da Intel, AMD e ARM feitos nos últimos 20 anos.
A nova versão já está disponível no site do Chrome para Windows, macOS, LinuxAndroid e iOS.

Veja o vídeo abaixo para entender melhor:





fonte: https://tecnoblog.net/

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Cuidado com a fraude , não pague na dúvida.



Olá todos. Infelizmente existem pessoas de má fé, que aproveitam do pouco conhecimento dos outros para tirar algum proveito.


Em 2006, a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa fez um comunicado de alerta sobre os primeiros golpes de falso registro de domínio da entidade responsável no Brasil, a Registro.br.

Acontece que na maioria dos casos esses boletos fraudulentos vendem um serviço de hospedagem, porém além de utilizar o nome parecido com o órgão oficial que regulariza os domínios brasileiros; eles também tentam aproximar o máximo da fatura original gerada pelo registro.br. 

MAS ATENÇÃO!! Apesar de parecer com a fatura do órgão original, o mesmo não a envia pelos correios. É necessário logar no site do registro.br e solicitando a renovação do registro que é opcional gerar em fatura.

Então se receber tal boleto via correio, SUSPEITE e NÃO PAGUE.

Repare na imagem abaixo um exemplo destes boletos mal intencionados. No corpo do boleto até informa que é uma venda de contrato de hospedagem. Portanto no corre corre do dia a dia, e até mesmo por falta de informação, as pessoas pagam acreditando que está renovando o domínio. E na verdade, não está renovando nada. Está contratando um serviço que até mesmo não estará utilizando. Pois essas pessoas mal intencionadas localizam geralmente domínios que já tem um site no ar e já está utilizando uma hospedagem.




Veja abaixo também outros casos de boleto mal intencionado o qual se receber pelo correio simplesmente rasgue e jogue fora.




Algumas marcas fraudulentas já conhecidas e que você NÃO DEVE PAGAR O BOLETO:

  • RegistroBrasil.com
  • Host.inf.br
  • Registrar.br.com
  • Nicregistro.com
  • E qualquer outra empresa que não seja a Registro.br!


Confira abaixo dicas que a própria empresa Registro.br avisa aos seus clientes:
  • A empresa REGISTRO.BR não envia boletos prontos para seus usuários, nem por e-mail, nem via correio. Os boletos são gerados diretamente pelo site por meio de link encaminhado ao e-mail dos contatos. Caso tenha recebido correspondência em nome da “Registro.br” e que não tenha sido emitido diretamente por você, desconfie.
  • A REGISTRO.BR também não envia avisos de renovação por correio, apenas pelo e-mail dos contatos.
  • Para se certificar que realmente é um boleto legítimo da REGISTRO.BR, acesse este link: https://registro.br/boleto-malicioso.html
  •  Não presta outros serviços que não sejam registro de domínios ou alocação de recursos de numeração. Por exemplo: Não prestam serviços de hospedagem de sites.
  • Não protesta boletos não pagos, ou seja, não cobram juros nem multa caso o boleto não seja pago. Caso o usuário não pague o boleto, eles entendem que não há interesse no serviço e automaticamente será cancelado.
  • Preste atenção aos programas Spywares e possua sempre um bom anti-vírus intalado no seu computador para evitar vírus que alterem a linha digitável do boleto.

E Como funciona a fraude?

Dentro do site oficial do Registro.br, citado acima, existe uma ferramenta chamada WHOIS na qual é possível ver todos os dados referente a um domínio: nome do titular (proprietário do site), documento utilizado para cadastro (CPF / CNPJ), e-mail principal de contato e servidor de hospedagem. Com esses dados, outras empresas golpistas descobrem facilmente o endereço de cobrança desses titulares e se aproveitam, enviando os boletos maliciosos.

É também importante ressaltar que a Net Empreendimentos não envia boletos deste tipo. Não pague nada sem ter certeza dos dados do beneficiário do pagamento.


Se você é cliente Net Empreendimentos, ao receber algum boleto duvidoso sinta-se a vontade em nos contatar para esclarecer a vericidade do boleto recebido.

Lembramos também que a maioria dos planos oferecidos pela Net Empreendimentos, toda a responsabilidade pelo pagamento do registro quanto a renovação anual dos domínios é a cargo da própria Net Empreendimentos de forma o cliente não ter nenhuma preocupação e despesa com registro de domínio. Se seu plano contratado não se encaixa nessas condições contate-nos agora para solicitar um up-grade.